Alterar tamanho da fonte:
Consultoria e Informações
A DSSOPT está a definir critérios para implementar mecanismos de prevenção de inundações em espaços subterrâneos de edifícios
Data de upload: 2019-01-28
  • Data: 2018-12-17

Descrição

Quando ocorrem storm-surges ou chuvas intensas, há possibilidades de inundações em caves ou auto-silos subterrâneos de edifícios situados nas zonas baixas de Macau, pondo assim em risco a vida e os bens da população em geral.

Nesta óptica, no intuito de prevenir e evitar a ocorrência dos incidentes acima mencionados, bem como salvaguardar a segurança da vida e dos bens da população em geral, a Direcção dos Serviços de Solos, Obras Públicas e Transportes (DSSOPT) contratou o instituto de estudo para elaborar a versão preliminar dos “Critérios para implementar mecanismo de prevenção de inundações em espaços subterrâneos”, adiante designado por “critérios”, com vista a definir os indicadores técnicos para instalação dos equipamentos que podem ajudar na prevenção de inundações em espaços subterrâneos de edifícios, assim como o projecto de gestão das instalações.

Depois de estudar as experiências dos países e regiões vizinhas e tendo em consideração os dados informativos recolhidos anteriormente nos vários locais de Macau, o instituto responsável pelo estudo e pela elaboração dos “critérios” definiu um conjunto de exigências técnicas para instalação dos equipamentos necessários de protecção contra inundações, sob o “princípio de que a prevenção de inundações tem um papel principal e o escoamento de água tem um papel secundário, ou seja a conjunção dos dois”, de modo a responder às inundações verificadas, particularmente, em caves ou auto-silos subterrâneos de edifícios. Estes “critérios” têm por objectivo regular os espaços subterrâneos de edifícios, nomeadamente caves ou auto-silos subterrâneos. A instalação dos respectivos equipamentos necessários de protecção contra inundações deve ser procedida de avaliação do risco de inundações, conforme o resultado de avaliação e em conjunção com a natureza dos espaços subterrâneos. A par disso, os “critérios” estipulam ainda as exigências técnicas para instalação dos equipamentos fixos ou móveis de protecção contra inundações, bem como as medidas respeitantes a prevenção de refluxo de água e escoamento auxiliar de água.

Relativamente à prevenção de fuga eléctrica, os “critérios” recomendam também exigências técnicas sobre a altura de instalação para os equipamentos de abastecimento de energia eléctrica em espaços subterrâneos, nomeadamente, tomadas de corrente e interruptores eléctricos, devendo-se instalar ainda um dispositivo protector impermeável, de modo a permitir o corte automático da energia eléctrica em caso de inundações. A par disso, os edifícios com espaços subterrâneos devem estar equipados com aparelho receptor de mensagens ou avisos externos em tempo real e o sistema de monitorização de alarmes que possa emitir sinais sonoros e visuais, devendo-se definir o sistema de evacuação, instalar o sistema de iluminação de segurança e a sinalização e indicativos de segurança em várias línguas, nos termos do disposto no Regulamento de Segurança contra Incêndios.

A par disso, os edifícios com espaços subterrâneos devem definir o plano de resposta a emergência, com vista a responder à ocorrência de inundações, devendo proceder periodicamente a avaliação e exercício de simulação, de modo a assegurar que os trabalhadores estejam familiarizado com os conteúdos do referido plano e o circuito operacional normalizado, a fim de garantir o funcionamento normal de todos os equipamentos de protecção contra inundações.

A DSSOPT está a analisar a versão preliminar dos “Critérios para implementar mecanismo de prevenção de inundações em espaços subterrâneos” e depois de análise, esta versão será disponibilizada na página electrónica da DSSOPT (http://www.dssopt.gov.mo), com vista a recolher a opinião pública. Os “critérios” visam regular a instalação dos equipamentos de protecção contra inundações em espaços subterrâneos e a gestão relativa à resposta a emergência, de modo a elaborar uma série de indicadores normativos e o projecto de gestão, em termos concisos e práticos, a fim de permitir a observação por parte da entidade responsável pela de gestão de instalações para melhorar os trabalhos de prevenção, diminuindo assim os prejuízos a causar pelas inundações.

  • Os “critérios” propõem a instalação dos equipamentos de protecção contra inundações em espaços subterrâneos
    Os “critérios” propõem a instalação dos equipamentos de protecção contra inundações em espaços subterrâneos
  • Os “critérios” definem os indicadores técnicos para instalações de abastecimento de energia eléctrica subterrâneas
    Os “critérios” definem os indicadores técnicos para instalações de abastecimento de energia eléctrica subterrâneas
Subscrever